Ir para conteúdo

Notícias

Sem resultados a apresentar
INSCRIÇÕES ABERTAS:  GERAÇÃO S  programa de ocupação de tempos livres
21 jan '22
Município
INSCRIÇÕES ABERTAS: GERAÇÃO S programa de ocupação de tempos livres

Estão abertas as inscrições para o GERAÇÃO S -  Programa de Ocupação dos Tempos Livres do Município de Santa Comba Dão, destinada a todos os santacombadenses com idade superior a 15 anos

Trata-se um programa que pretende envolver um segmento da população mais jovem no apoio a atividades, promovidas pela autarquia, entre os meses de janeiro e dezembro de 2022 estimulando a participação cívica e voluntária, bem como a intervenção útil e eficaz na comunidade.

Trata-se de igual modo de um programa que vem responder ao aumento do fluxo turístico no concelho.

Aceda à FICHA DE INSCRIÇÃO.

Consulte também as Normas do Programa Geração S (2022).

 
Ler mais
Informação (21-01-2022)  Covid-19 | Situação epidemiológica no concelho
21 jan '22
Covid-19
Informação (21-01-2022) Covid-19 | Situação epidemiológica no concelho
 
No dia 21 de janeiro de 2022 há registo de 136 casos ativos de Covid-19 e de um índice de 3306/100.000 habitantes (referente aos últimos 14 dias).
Este índice elevadíssimo é reflexo do crescimento abrupto de infeções no território, o que se traduz num motivo de extrema preocupação para o Município.

Uma vez mais, deixa-se um reforço para que que todos  adotem as devidas medidas de proteção e tenham os cuidados necessários para proteger a comunidade.

Importa, assim e uma vez mais, sublinhar a importância da utilização de máscara, da higienização das mãos e do distanciamento social.
 
O Município, recomenda ainda, a realização, sempre que possível, de testes de diagnóstico, para impedir uma maior transmissibilidade.
 
Proteja-se, protegendo os outros!

 

Ler mais
Reunião de Trabalho da Equipa para a Igualdade na Vida Local
20 jan '22
Município
Reunião de Trabalho da Equipa para a Igualdade na Vida Local

No âmbito do protocolo celebrado entre o Município  e a Comissão para a Cidadania e a Igualdade de Género (CCIG) , foi criada, recentemente, a Equipa para a Igualdade na Vida Local (EIVL) de Santa Comba Dão, com vista à implementação da Estratégia Nacional para a Igualdade e a Não Discriminação (ENIND) 2018-2030 “Portugal + Igual”.

Sinteticamente, a ENIND norteia-se pelos  objetivos de não discriminação em razão do sexo e igualdade entre mulheres e homens, prevenção e combate a todas as formas de violência contra as mulheres, violência de género e violência doméstica e combate à discriminação em razão da orientação sexual, identidade e expressão de género, e características sexuais.

Ontem, 19 de janeiro, a EIVL de Santa Comba Dão  esteve reunida, numa sessão de trabalho, no quadro do projeto “+Igual Viseu Dão Lafões”, da Comunidade Intermunicipal (CIM),  que visa dar apoio a ações relativas ao desenvolvimento do diagnóstico, elaboração, implementação e  divulgação de planos para a igualdade, através da definição de uma estratégia de territorialização das políticas de igualdade e não discriminação da ENIND. Um dos objetivos é, precisamente,  adequar as políticas públicas de igualdade e não discriminação às necessidades reais do território de Viseu Dão Lafões.

Ao longo da iniciativa foi apresentado um cronograma e definidos objetivos inerentes a cada uma das etapas, tendo sido iniciada a construção de um plano integrado, que envolva a comunidade no objetivo comum de promoção da igualdade e não discriminação.

No quadro do protocolo estabelecido com o CCIG, foram nomeados  para a EIVL de Santa Comba Dão o vereador Joaquim Agostinho Marques, enquanto presidente,  Maria Adelina Silva (Ação Social do Município) e  Joana Brinca (professora da Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbra), como Conselheiras Locais para a Igualdade, bem como   Nelson Morais  (Associativismo, Juventude e Desporto do Município), Anabela Mateus (Recursos Humanos do Município), Carla Santos (Núcleo de Atendimento às Vítimas de Violência Doméstica de Viseu) e César Branquinho (presidente da Assembleia Municipal),  como membros da EIVL.

Ler mais
São Joaninho com atendimento descentralizado do Balcão Único do Prédio a partir de 26 de janeiro
19 jan '22
Município
São Joaninho com atendimento descentralizado do Balcão Único do Prédio a partir de 26 de janeiro

A partir da próxima quarta-feira, 26 de janeiro, uma equipa  técnica do Balcão Único do Prédio (BUPI) vai começar a percorrer as freguesias do concelho, para apoiar o registo descentralizado de propriedades rústicas e/ou mistas.

São Joaninho é o primeiro território  do concelho a ser abrangido, sendo que a equipa, constituída por duas técnicas, vai trabalhar e efetuar atendimentos  na sede da Junta de Freguesia, a partir das 09H30. Em calendário  a divulgar oportunamente, a equipa passará pelas demais freguesias do concelho, dando suporte no âmbito do BUPI, que é extremamente importante na salvaguarda dos direitos de propriedade.

O  Balcão Único do Prédio - BUPI funciona como uma biblioteca digital, que reúne informações dos proprietários, herdeiros e confinantes, permitindo a localização exata de prédios rústicos e mistos, através de coordenadas geográficas.

O registo no BUPI passa pela identificação dos terrenos pelo promotor (proprietário ou representante) e respetiva criação de uma representação gráfica georreferenciada (rgg), obrigatória para qualquer transação (compra e venda, permutas, doações e partilhas, etc.) que envolva o prédio.

A obtenção da rgg no BUPI é indispensável para o registo, obrigatório, do prédio na Conservatória do Registo Predial.
A criação da rgg no BUPI é um processo totalmente gratuito e sem encargo de impostos acrescidos.

É de extrema importância sublinhar que ter as propriedades registadas nas Finanças não assegura a titularidade das mesmas. Se quiser comprar ou vender, realizar partilhas, emparcelamentos, permutas ou outras formas de reestruturação da propriedade tem de identificar o seu terreno, através do BUPI - um passo indispensável para o registo na Conservatória.

Ler mais
Cartaz de 'grande festival de fim de ano' - documento do mês de janeiro | Arquivo Municipal
19 jan '22
Arquivo
Cartaz de 'grande festival de fim de ano' - documento do mês de janeiro | Arquivo Municipal

Em janeiro de 2022, divulgamos, no âmbito da rubrica 'Documento do mês' cartaz de divulgação de festa de fim, de ano, em benefício das cantinas escolares do Vimieiro e Rojão Grande.

Enquadramento

"Em 1950, realizou-se, no Bairro da Estação, uma festa de fim de ano cujas receitas reverteram em benefício das cantinas escolares do Vimieiro e do Rojão Grande. Divulga-se o cartaz do grande festival que animou o início do ano de 1951 em Santa Comba Dão-Gare".

Ler mais
Aviso aos proprietários: Execução de faixas de gestão de combustível nos troços da rede viária Castelejo - Limite do Concelho (N234) e Pinheirinho - Ponte de Ázere (M634)
17 jan '22
Município
Aviso aos proprietários: Execução de faixas de gestão de combustível nos troços da rede viária Castelejo - Limite do Concelho (N234) e Pinheirinho - Ponte de Ázere (M634)

Informa-se que o Município vai promover  ações de gestão de combustível nos troços da rede viária Castelejo - Limite do Concelho (N 234) e Pinheirinho - Ponte de Ázere (M 634), nos termos estabelecidos nos editais (apresentados abaixo).

"As ações de gestão de combustível serão efetuadas nas faixas correspondentes aos terrenos confinantes com a via assinalada numa largura não inferior a 10 metros conforme alínea a) do n.º 1 do art.º 15.º do Decreto-Lei n.º 124/2006 de 28 de junho, na sua redação atual.

Informação mais detalhada sobre os locais e datas de intervenção poderá ser obtida através dos números indicados no quadro abaixo.

O proprietário, seu representante ou administrador da propriedade, poderão acompanhar os  trabalhos e deverão proceder, no prazo máximo de 15 dias,  à remoção dos materiais resultantes das ações de gestão do combustível.


Solicita-se aos proprietários que previamente pretendam efetuar a gestão de combustíveis ou a remoção dos materiais sobrantes que forneçam essa informação para:

 

  Prestador de Serviços Município de Santa Comba Dão
Telefone 232 882505 232880500
Email tesourourbano@sapo.pt  geral@cm-santacombadao.pt    "

 

Aceda aos EDITAIS:

Edital - Faixa de Gestão de Combustíveis da Rede Viária: troço da rede viária CASTELEJO - LIMITE DO CONCELHO (N234) | Aviso aos proprietários dos terreno

Edital - Faixa de Gestão de Combustíveis da Rede Viária: troço da rede viária PINHEIRINHO - PONTE DE ÁZERE (M634) | Aviso aos proprietários dos terrenos

Ler mais
Início de Funções da segunda Equipa de Intervenção Permanente dos Bombeiros Voluntários
17 jan '22
Município
Início de Funções da segunda Equipa de Intervenção Permanente dos Bombeiros Voluntários

Iniciou funções, a 17 de janeiro,  a segunda Equipa de Intervenção Permanente (EIP) dos Bombeiros Voluntários de Santa Comba Dão  (BVSCD), que vai ampliar a cobertura e a capacidade de resposta operacional, no âmbito de um socorro mais eficaz e imediato às populações.

Os cinco elementos que constituem a nova equipa assinaram o contrato, dois dias antes, no dia 15, no decurso de uma breve cerimónia realizada no quartel dos BVSCD, no âmbito da qual também foi formalizado o  protocolo  entre a Associação Humanitária (AHBVSCD) e a Câmara Municipal, referente à constituição desta segunda EIP.

Destinada ao cumprimento das missões que, no âmbito da Proteção Civil, estão confiadas aos Bombeiros, a nova equipa vai  permitir  - nas palavras do Comandante da corporação, Hélder Mota da Costa -  uma primeira resposta num período mais alargado de tempo. Das  oito horas diárias asseguradas pelo primeiro grupo, passam a estar cobertas, com mais uma equipa no terreno, 16 horas por dia. Regista-se, igualmente, uma duplicação no número de operacionais, que  passa de cinco para dez bombeiros.

Para o território, a  nova EIP traduz, essencialmente, uma  maior capacidade de resposta  operacional, no âmbito do combate a incêndios rurais e socorro às populações atingidas, no socorro a náufragos -  uma vez que o concelho integra uma vasta bacia de água  - no socorro complementar em segunda intervenção, bem como no desencarceramento e apoio a sinistrados, entre outros e importantes domínios de intervenção.

Nas palavras de Mário Silva, presidente da Direção da AHBV, uma segunda equipa é determinante para a comunidade e para o território. Praticamente 14 anos depois da formação da primeira EIP - constituída  em 2008 -  é duplicado o número de operacionais e  incrementada a salvaguarda da segurança das populações. "Eu, como cidadão, considero-me mais protegido!", disse. E a todos os cidadãos, Mário Silva  deixou uma mensagem clara e direta, apelando a que a comunidade minimize, com as mais variadas ações e medidas, a necessidade de intervenção dos bombeiros.

O  presidente da Direção dos AHBV fez também  questão de sublinhar o relevante  papel desempenhado pelo Município em todo este processo.  Foi com a anuência da Câmara Municipal, que a AHBVSCD candidatou, em outubro,  uma segunda EIP, que - após parecer favorável do Comando Operacional Distrital de Socorro (CODIS) - foi  aprovada no dia 5 de janeiro do corrente ano, sendo a  autarquia responsável por  50% dos encargos financeiros com a equipa. Os  restantes 50% são suportados pela Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil.

À semelhança do Comandante do CODIS, Miguel Ângelo, também Leonel Gouveia destacou a importância do aumento de operacionais no quadro da salvaguarda  imediata da segurança e no socorro das populações.

O representante máximo do Município sublinhou  que o Município apoiou desde o primeiro momento a constituição de uma segunda EIP, que permite que os santacombadenses se possam sentir mais protegidos. Acrescentou que "a  Câmara Municipal agradece todo o trabalho que esta casa [Associação Humanitária]  tem feito - e é muito - em defesa daquilo que são os interesses de pessoas e bens do nosso concelho". Destacou que o Município continuará a apoiar a AHBSCD, na certeza que dela depende  a nossa proteção enquanto munícipes.

Deixou ainda uma palavra a todos os voluntários que integram a Associação - desde os bombeiros, aos membros dos vários órgãos sociais - agradecendo a disponibilidade e entrega a esta causa, numa altura em que se regista um particular decréscimo no envolvimento e  participação cívica dos cidadãos.

No âmbito desta sessão simbólica, mas "de elevado significado" - tal como referido por Mário Silva-  fica o destaque para a presença da vice-presidente, Catarina Costa, dos presidentes da Junta de Freguesia de São João de Areias, Miguel Pais, da União de Freguesias (UF) e Óvoa e Vimieiro, Sílvio Simões, e da UF de Santa Comba Dão e Couto do Mosteiro, Inês Matos, bem como de membros dos órgãos sociais da AHBVSCD e bombeiros entre outros participantes.

Ler mais
Turmas do 6.º ano e alunos da Universidade Sénior visitam exposição "Sentinelas do Mar"
17 jan '22
Cultura
Turmas do 6.º ano e alunos da Universidade Sénior visitam exposição "Sentinelas do Mar"

Patente na Biblioteca Municipal até ao dia  20 de janeiro, a exposição de pintura "Sentinelas do Mar" recebeu, na última semana, a visita de várias  turmas do 6.º ano de escolaridade da Escola Básica de Santa Comba Dão.

Uma destas  visitas foi  acompanhada pela vereadora Carla Cunha e por vários  alunos da Universidade Sénior, que assistiram  a uma apresentação sobre a temática inspiradora das  33 pinturas que compõem esta mostra - os faróis.

Na sessão, o pintor e promotor da iniciativa,  Aires dos Santos, e um dos artistas convidados, Nelson Santos, falaram sobre aos motivos  e as técnicas abordadas no conjunto de trabalhos apresentado,  que procura divulgar e valorizar o património associado aos faróis nacionais e  toda uma história "ligada ao mar que tanto honra os portugueses". Perante uma turma atenta e bastante interessada responderam a perguntas sobre a localização dos faróis, a opção cromática dos pintores, o estilo de pintura e a própria arquitetura destas estruturas que orientam a navegação e oferecem abrigo.

Realçaram a importância do envolvimento da comunidade escolar nestas iniciativas promotoras de um maior conhecimento sobre o meio e potenciadoras de  uma maior sensibilização para a proteção dos recursos marítimos e fluviais.

A sessão incluiu ainda a exibição de  dois vídeos da Direção de Faróis e da  Autoridade Marítima Nacional sobre as funções e importância dos faróis e acerca da segurança marítima, que foram comentados pelo faroleiro Hélder Abreu. Experiente e com um vasto conhecimento do tema, este profissional - que já trabalhou em vários faróis nacionais - explicou as funções das diversas estruturas que compõem o farol, descreveu o dia-a-dia do faroleiro e  a forma como o trabalho é organizado, respondendo a várias questões sobre cuidados de saúde e alimentação, entre outras dúvidas colocadas por vários alunos presentes. O faroleiro abordou, de igual modo,  a evolução dos faróis, numa viagem que começou com as primeiras fogueiras acesas na costa para orientar a navegação até aos mais modernos e eletrónicos dispositivos de orientação.

A culminar uma partilha bastante positiva e enriquecedora, Elisabete Almeida, coordenadora da BM, leu o conto «Olá, Farol!» de Sophie Blackal, disponível neste equipamento, dando a conhecer a pintura de um farol da autoria de um jovem leitor, Pedro Abreu, inspirada no conjunto de trabalhos apresentado nesta mostra.

De notar que a exposição "Sentinelas do Mar" se encontra integrada num projeto com o mesmo nome, decorrente de  uma parceria instituída entre o Município de Nelas e a Autoridade Marítima Nacional. A  iniciativa da mostra coube a Aires dos Santos - anterior vereador da Cultura da Câmara de Nelas  - que convidou uma dezena de conceituados artistas ibéricos durante o  período pós confinamento.

Ler mais
Informação (17-01-2022)  Covid-19 | Situação epidemiológica no concelho
17 jan '22
Covid-19
Informação (17-01-2022) Covid-19 | Situação epidemiológica no concelho
No dia 17 de janeiro de 2022 há registo de 104 casos e de um índice de 1915/100.000 habitantes (referente aos últimos 14 dias).
Este contínuo aumento de infeções continua a ser motivo de elevada preocupação para o Município.
 
Cada um de nós deve reforçar as medidas de proteção e ter todos os cuidados necessários para proteger a comunidade.
Importa, assim e uma vez mais, reforçar a importância da utilização de máscara, da higienização das mãos e do distanciamento social.
 
O Município, recomenda ainda, a realização, sempre que possível, de testes de diagnóstico, para impedir uma maior transmissibilidade.
 
Proteja-se, protegendo os outros!

 

Ler mais
Disponíveis para consulta: Ata da reunião de Câmara de 14-12-2021 e edital com deliberações da reunião de Câmara de 11-01-2022
13 jan '22
Município
Disponíveis para consulta: Ata da reunião de Câmara de 14-12-2021 e edital com deliberações da reunião de Câmara de 11-01-2022

Informam-se todos os munícipes e interessados que se encontram disponíveis para consulta, neste site autárquico, ata da reunião de Câmara de 14 de dezembro de 2021 e edital com deliberações da reunião de Câmara de 11 de janeiro de 2022.

 

Aceda:

Ler mais